O programa, que contará com 12 episódios, pretende mergulhar no universo da construção civil e irá destacar o talento e a inovação dos profissionais brasileiros

Os reality shows são um fenômeno mundial, que atraem milhões de telespectadores seja na televisão aberta ou nas diversas plataformas de streaming. No Brasil, o segmento ganhou força com programas de confinamento, coragem, força e até talento. Porém, a partir do dia 22 de julho, às 23h, na RedeTV!, os brasileiros vão poder acompanhar um reality inédito, que despertará o empreendedor que existe dentro de cada um de nós. O ‘The Real Estate Brasilserá o primeiro reality nacional dedicado ao universo da construção e reforma, com o objetivo de apresentar ao público toda a dinâmica do setor imobiliário, ao acompanhar os desafios e conquistas dos profissionais do segmento, em todo o processo de uma obra de grande porte. Após a exibição na televisão aberta, o programa também ficará disponível no Prime Vídeo, uma das maiores plataformas de streaming do mundo, presente em 187 países.

Segundo Vinícius Motta, CEO da Minha Casa Financiada (MCF), e um dos idealizadores do reality, o programa vai proporcionar aos telespectadores aprendizados valiosos. Com um conteúdo cheio de ensinamentos de mercado aliado a provas, competições e uma boa dose de humor, a proposta é trazer ao público um entretenimento inédito na televisão brasileira.“O ‘The Real Estate’ se propõe a impulsionar o desenvolvimento da construção civil no Brasil. Com desafios reais, lições inspiradoras e prêmios tentadores, será como uma plataforma educativa e de entretenimento, que vai cativar desde entusiastas que sonham em construir ou reformar suas casas, até profissionais do setor, como engenheiros, empreiteiros e arquitetos”, destaca o executivo.

Reality terá 15 participantes e três equipes

Nesta primeira edição do ‘The Real Estate’, profissionais da construção civil realizaram suas inscrições de forma on-line e foram recebidos mais de 3000 cadastros. Faziam parte dessa seleção cinco áreas específicas: arquitetos, designers de interiores, corretores de imóveis, incorporadores e construtores. Com um total de 12 episódios, o time de jurados terá de selecionar logo nos cinco primeiros episódios, os 15 melhores profissionais das áreas participantes.

Formada por três equipes, os times terão um participante de cada área da construção civil que serão separados por três cores: branco, vermelho e preto. Ao longo do programa, os competidores precisarão cumprir os desafios em equipe, ou seja, não competirão individualmente.Os jurados avaliarão os participantes, com notas de 0 a 10, nos quesitos pró-atividade, conhecimento técnico, assertividade, liderança e gestão de projetos. Na grande final, haverá cinco vencedores, um de cada segmento.

Como prêmio, cada vencedor das cinco áreas da primeira edição do ‘The Real Estate’receberá 1% do projeto, a casa Vernon, se tornando sócio da Sociedade de Propósito Específico (SPE). Já o corretor campeão, receberá 5% do valor de transação do imóvel ou caso não ocorra a venda, receberá 1% do projeto, assim como os demais.

Para Motta, os desafios vão além do trabalho em equipe.“As equipes vão precisar colocar a mão na massa, literalmente! Será um processo de construção real e sob pressão o tempo todo. No caso dos corretores, por exemplo, eles terão que negociar a venda da casa Vernon ao longo do programa. A casa fica a 10km do centro de Alphaville, em São Paulo, região valorizada e muito cobiçada. Quem conseguirá a melhor venda?”,enfatiza um dos idealizadores do reality.

Mercado vai movimentar R$2,7 trilhões até 2030

Em 2022, o mercado da construção civil movimentou quase R$200 bilhões em financiamentos. O Brasil é o 4º país no mundo em circulação financeira para fins imobiliários. O estado de São Paulo, por exemplo, é o 26º mercado do mundo. Para comercializar milhões de metros quadrados anualmente, o Brasil possui aproximadamente 400 mil corretores de imóveis. Segundo estudo da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) e a Deloitte, até 2030, os setores da cadeia da construção vão investir R$2,7 trilhões, gerando milhares de empregos e investindo em tecnologia para otimizar processos.

Já Diego Carielo, sócio na startup Minha Casa Financiada e um dos idealizadores do ‘The Real Estate Brasil’, destaca que o reality é uma junção de entretenimento e aprendizado.“Será uma chance espetacular de ensinar ao público sobre o mercado imobiliário. Ao longo dos 12 episódios, vamos conduzir os telespectadores a uma jornada por dentro do setor da construção civil. Queremos apresentar as diversas formas de explorar o potencial de investimento e as oportunidades desse mercado vibrante”, afirma o empresário.

Para conduzir o público através dessa jornada construtiva, o ‘The Real Estate Brasil’selecionou um time de peso. Além de contar com os apresentadores Vinícius Motta e Diego Carielo, fundadores da MCF, participam do programa João Angeli, especialista em arrematar casas, terrenos e apartamentos, em leilões extrajudiciais e judiciais e sócio da TRExx, com 20 anos de experiência profissional; e João Gondim, empresário imobiliário – incorporador, consultor, loteador, investidor e mentor com mais de R$1 bilhão em projetos realizados no Brasil.

Em paralelo a estreia do reality na televisão, ocorrerá o lançamento do podcast do ‘The Real Estate Brasil’, onde os sócios fundadores da Minha Casa Financiada e idealizadores do programa, Vinícius Motta e Diego Carielo, receberão os participantes eliminados, convidados especiais e personalidades do setor.

Serviço ‘The Real Estate’

Data:a partir do dia 22 de julho (toda segunda-feira)

Emissora:RedeTV!

Horário:23:45h

Siga nossas redes sociais:
Instagram – @therealestatebrasil
Youtube – @TheRealEstateBrasil
TikTok – @therealestatebrasil
Site-www.therealestatebrasil.com